5 curiosidades sobre o uso do concreto que você precisa saber

O cimento é o segundo material mais consumido pela humanidade – atrás apenas da água. Por ano, são produzidos 5 bilhões de metros cúbicos de concreto no mundo. É muita obra!

Mas você sabia que não é só na Construção Civil que ele é utilizado? E que sua origem remonta há mais de 4.500 anos? Confira abaixo algumas curiosidades sobre o uso do concreto!

Origem do cimento

Estima-se que o cimento começou a ser usado, em uma forma diferente da que encontramos hoje, há 4500 anos.

No Egito antigo, uma mistura de gesso calcinado foi utilizada para as grandes construções da época.

Na velha Roma, a palavra caementu era o nome em latim de uma espécie de pedra, natural de rochedos e não esquadrejada. Por isso, hoje, chamamos esse material de cimento.

Estudiosos da construção desenvolveram várias fórmulas para o cimento ao longo dos séculos. Até que, em 1824, o construtor inglês Joseph Aspdin patenteou a fórmula conhecida como cimento Portland – em referência à ilha britânica de mesmo nome.

O empresário queimou conjuntamente pedras calcárias e argila. Depois disso, moendo essa mistura queimada, transformou-a num pó fino.

Depois de seca, quando misturada com água, ela tornava-se tão dura quanto pedras empregadas nas construções.

O cimento romano super-resistente

Você já pensou como as grandes construções da Antiga Roma ainda estão de pé depois de mais de dois mil anos?

Pesquisadores descobriram que elementos do material vulcânico utilizado pelos romanos reagiram com a água do mar, fortalecendo a construção. Por isso, ao invés de erodir com o tempo, ele fica mais forte.

Como resultado, temos, até hoje, obras como o Panteão e o Coliseu. A descoberta foi publicada no periódico American Mineralogist

Produção do cimento

O cimento é feito, basicamente, de argila, calcário e gesso. As matérias-primas são extraídas das minas, trituradas e transportadas para a fábrica, onde são armazenadas, homogeneizadas e processadas por meio de fornos e moinhos.

A partir do vídeo a seguir, nós apresentamos como é fabricado o cimento na InterCement. Confira no vídeo abaixo:

Ovos de cimento na produção de vinho

Não é apenas o construtor que utiliza o cimento. Enólogos (profissionais responsáveis pela produção de vinho), desenvolveram vários recipientes para a fermentação da bebida.

Entre eles está o “ovo” de concreto, estrutura que tem a vantagem de manter a temperatura constante. Esse aspecto é fundamental para sobrevivência das leveduras.

Além disso, o ovo de concreto tem a vantagem de permitir que o vinho respire através de seus poros naturais.

China campeã no uso de cimento

A Barragem das Três Gargantas, localizada no rio Yangtze, na China, é a maior estrutura de concreto da Terra.

A hidrelétrica precisou de 17 anos para ser construída, 40 mil trabalhadores e 230 mil m³ (cerca de 30 mil betoneiras) de concreto. 

Além disso, a China também é o país que mais consome cimento no mundo. Estima-se que, entre 2011 e 2013, o país tenha usado 6,6 bilhões de toneladas. O valor está acima do que os EUA usaram em todo o Século XX – 4,5 bilhões de toneladas.

Fonte:
https://www.amigoconstrutor.com.br/amigo-construtor-ensina/5-curiosidades-sobre-concreto/?fbclid=IwAR0WeoNHk0vwdD_mfdK4GoBV4YRd6U2FG4_XgCN5_5O4FdJeEyMVLzPFBtQ

Autor: Antonio Lucas Studier

Estagiário de Engenharia Civil na empresa Dynamis Techne.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s